Agro gera pouco mais de 7 mil empregos em julho

Foi o sexto mês de saldo positivo neste ano, mas a menor diferença mensal entre admissões e demissões.

O resultado do mês passado é bem menor que o registrado em junho, quando a agropecuária brasileira tinha contabilizado um saldo positivo de 36,827 mil vagas formais de trabalho. Ainda assim, supera o saldo positivo de empregos de julho de 2016, que tinha sido de 4,253 mil empregos.

Apesar do ritmo menor em julho, o Ministério do Trabalho considera que a Agropecuária manteve a tendência de saldo positivo de empregos formais. Dos sete meses do ano, em apenas um (fevereiro), as demissões ocorreram em maior número que as contratações.

Fonte: Revista Globo Rural, resumida e adaptada pela Equipe BeefPoint.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Precisa de ajuda?